Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, janeiro 21, 2013


Resenha: Lola e o Garoto da Casa ao Lado

Comments

Olá galera!
Vocês devem estar achando estranho eu estar fazendo um post de resenha, mas como a Lis está viajando eu estou dando uma força, além de fazer claro, da minha popular coluna ''E o que vem por aí...'' aqui no Batalha.
Espero que gostem da minha resenha, foi feita com muito carinho, não sei se todos sabem mas eu tenho um blog literário também, quem quiser me visitar é o Falando Sobre Livros. =)

Vamos a resenha?


Título: Lola e o Garoto da Casa ao Lado
Autora: Stephanie Perkins
Editora: Novo Conceito
Páginas: 288



Sinopse: Tenho três desejos bem simples. Sem dúvida, pedir por eles não é demais.O primeiro é participar do baile de inverno vestida de Maria Antonieta. Quero uma peruca que de tão trabalhada poderia engaiolar um pássaro e um vestido tão largo que eu só serei capaz de entrar no salão através de portas duplas. Mas, quando eu chegar lá, vou segurar as saias no alto para revelar um par de coturnos de plataforma, só para que todo mundo veja que, por baixo dos babados, sou durona feito punk rock. O segundo é que meus pais aprovem meu namorado. Eles o odeiam. Odeiam seu cabelo descolorido, sempre com raízes escuras, e odeiam seus braços, tatuados com teias de aranha e estrelas. Dizem que ele tem um ar de superioridade e um sorrisinho presunçoso. E estão fartos de ouvir a música que ele toca explodindo de meu quarto e cansados de brigar por causa da hora que eu devo voltar para casa sempre que saio para ver a banda dele tocar em clubes. E meu terceiro desejo? Nunca, jamais, em hipótese alguma, voltar a ver os gêmeos Bell. Nunca mais.



''A vida é curta de mais para sermos a mesma pessoa todos os dias''




Lola é apaixonante! Uma garota de 17 anos, muito maluquinha que adora usar umas perucas bem coloridas (me lembrou a ''tia peruca'' personagem de uma novelinha do SBT) ela adora roupas doidas também, como misturar roupas de época, com um toque moderno, a maioria ela mesma quem faz, a menina é uma futura estilista de primeira qualidade. Seu namorado é Max, que com 20 anos é o típico Bad boy que canta em uma banda de rock, do tipo que bebe, fuma, é tatuado, marrento e claro muito atraente com suas roupas pretas...

Seus pais Andy Nathan é um casal homossexual, fato que eu achei incrível! Andei tendo uns debates sobre adoção em união homo-afetiva, e como sou a favor adorei isso no livro. Eles são super rigorosos com ela, divertidos, amorosos, e odeiam seu namorado, ou seja ótimos pais.
                                               
Porém nem tudo são flores, seus pais vivem em guerra com seu namoro, ela também está planejando um vestido muito complicado para seu baile no colégio, e inesperados vizinhos retornam para virar sua vida de cabeça para baixo!



''– Então, você acredita em segunda chance?
– Segunda, terceira, quarta. O que for preciso. Por mais tempo que leve. Se for a pessoa certa.''


Sim os gêmeos Bell, são seus amigos de infância, porém faz um bom tempo que são seus inimigos número um, Calliope Bell  é uma grande patinadora no gelo, está lutando para chegar nas olimpíadas  e morre de ciúmes do irmão e por isso detesta Lola, já seu irmão muito muito gato Cricker Bell, é um garoto muito fofo, educado, certinho,  gentil. Porém ele foi o responsável por destroçar o coração de nossa Lolita  alguns anos atrás, por isso essa volta deles para a casa ao lado não será muito fácil para nossa garota.


''– Não consigo parar de pensar em você. E não sou o cara que costumava ser. Eu mudei...
 Cricker...  Volto a erguer os olhos, sentindo-me zonza.
Seus olhos azuis são brilhantes. Sinceros. Desesperados.
– Saia comigo esta noite. Amanhã à noite, todas as noi...   A palavra para na garganta quando ele vê alguma coisa atrás de mim.
Cigarros e hortelã. Eu quero morrer.
– Este é Máx. Meu namorado. Máx, este é o Cricker Bell.''



De uma forma muito divertida e envolvente Lola vai viver um grande momento na sua vida, um amor que retorna louco para reconquistá-la, uma ex-inimiga que quer vê-la bem longe, uma mãe que aparece com problemas e um namorado lindo e bem maluco com o qual  ela não sabe o que fazer.

De uma forma leve a bem gostosa somos levados ao seu mundo e nos vemos torcendo por seus romances, por seus amigos, seus pais adoráveis, porque eles são sim incríveis, juro que os adorei.

Recomendo muito esse livro, nunca li nada dessa autora, mas já me apaixonei por sua forma de escrita, foi tão bom que li em três horas.

Livro da mesma autora de Anna e o Beijo Francês

Preciso dizer se recomendo? :)





                           Beijos
                                         Nita


/
Related Posts with Thumbnails
 

Design by / Thema base