Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, maio 17, 2012


Resenha: Garota Replay

Comments
Oi gente!
Quase metade do ano já se foi não é mesmo, só eu estou achando que esse tempo está voando?

Autora: Tammy Luciano
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581630076
Páginas: 144
Ano: 2012

Sinopse: Thizi é uma garota do bem, apaixonada pela vida. Mas, após uma madrugada trágica, sente que tudo à sua volta desmorona. Descobre que Tadeu, seu namorado, beijou uma garota em uma noitada e quebrou o nariz de Tito, melhor amigo de Thizi, quando soube que ele fotografou a prova da traição. Na mesma noite, Tadeu dirigiu bêbado e causou grave acidente, que deixou o amigo Gabiru em coma. Em meio a tanta decepção, Thizi encontra uma Replay de si mesma, uma igual. Agora, não é mais a única do planeta, ela se sente a pessoa mais solitária do mundo e precisa entender que só o amor tem o poder de provocar as melhores mudanças, Garota Replay trará reflexões para desvendar os segredos da vida de Thizi. E da sua também...

"(...) Estaria ficando maluca? Só podia. Ninguém acreditaria, mas naquele momento, enquanto pensava que minha vida estava uma merda, me vi dançar na pista. Eu mesma. Eu na pista de dança. Exatamente assim. Eu estava na minha frente pela primeira vez, sem nenhuma introdução ou maiores explicações, congelada ali, enquanto todos sacudiam seus corpos sem censura." Página 18

Embora a autora já tenha publicado outros livros este foi o primeiro que eu li.
Confesso que criei muita expectativa com o livro, e como todo mundo sabe, criar expectativa nunca é uma coisa boa, aqui não foi diferente, embora o enredo me agradou alguns pontos deixaram a desejar.

De primeira, ressalto que achei a trama bem criativa, imagine você indo numa balada para esquecer um pouco sua vida cheia de problemas e dá de cara com uma cópia sua, com umas mudanças mínimas, e essa cópia de a audácia de te chamar de idiota com toda a petulância do mundo, pois é desse modo que a Thizi conhece sua replay.

Meu maior problema com o livro foi com a personagem principal, a narrativa é feita em primeira pessoa, então temos somente o ponto de vista dela, o problema é que Tizi tem seus 20 anos só que com atitudes e pensamentos de uma adolescente, creio que se ela fosse uma garota com seus 14 anos seria mais fácil de entender suas atitudes, mas o modo que ela se comporta não condiz em momento algum com sua idade.

Uma coisa positiva do livro é a reflexão que ele nos trás quanto a responsabilidade a distância de alguns pais por aí. Thizi é de uma família rica, os pais viajam praticamente o ano inteiro deixando ela sozinha no Brasil, recebe uma gorda pensão, mora em um ótimo apartamento e acabou de ganhar um carro. A única referência que vi de família no livro foi a relação da Thizi com a empregada, infelizmente isso é realidade, embora não em grande maioria, mas há muitos pais que "terceirizam" a educação dos filhos, não acompanham os problemas deles de perto e vi isso na vida de Thizi, estava passando por sérios problemas com um relacionamento instável e os pais viajando.

Agora o final foi surpreendente, não estava esperando por ele, quando achei que a trama já tinha "se resolvido" surgem fatos novos totalmente inesperáveis.

Beijos
Lis
/
Related Posts with Thumbnails
 

Design by / Thema base