Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, novembro 30, 2011


O Hipnotista - Lars Kepler

Comments
Oi gente!!!
Todo mundo desesperado com as provas do fim do semestre?? Pois é o tempo está ficando curto para muita matéria, porém nem por isso vocês vão ficar sem conferir uma resenha aqui né =)


Autor: Lars Kepler (pseudônimo do casal Alexandra e Alexander Ahndoril)
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580570915
Páginas: 480
Ano: 2011

Sinopse: O massacre de uma família de Estocolmo abala a polícia sueca. Os homicídios chamam a atenção do detetive Joona Linna, que exige investigar os assassinatos. O criminoso ainda está foragido, e há somente uma testemunha: o filho de 15 anos, que sobreviveu ao ataque. Quem cometeu os crimes o queria morto: ele recebeu mais de cem facadas e está em estado de choque. Desesperado por informações, Linna só vê uma saída: hipnose. Ele convence o Dr. Erik Maria Bark - especialista em pacientes psicologicamente traumatizados - a hipnotizar o garoto, na esperança de descobrir o assassino através das memórias da vítima. É o tipo de trabalho que Bark jurara nunca mais fazer: eticamente questionável e psicologicamente danoso. Quando ele quebra a promessa e hipnotiza o garoto, uma longa e aterrorizante sequência e acontecimentos tem início.


O livro tinha tudo para ser perfeito, mas acabou me decepcionando um pouco. Por conta da sinopse comecei a leitura um pouco empolgada de mais, e pode ser por isso que me decepcionei.

Na sinopse dá para perceber que o enredo é de tirar o fôlego não é mesmo?!
Temos um assassino que exterminou praticamente toda uma família, deixando apenas um sobrevivente, um garoto de 15 anos, muito ferido além de estar em estado de choque. Após descobrir que a filha mais velha da família escapou do massacre por não estar presente, o policial responsável pelo caso acaba solicitando a ajuda de um hipnotista para tirar alguma informação do garoto, pois a irmã pode estar na mira do assassino.
O assassino acaba se revelando já no início do livro, porém essa revelação encadeia uma série de acontecimentos, o que acaba deixando o massacre da família em segundo plano na narrativa.

Realmente a trama é ótima, o universo que os autores criaram é muito envolvente, além de forte e impactante, principalmente nos primeiros capítulos. Os detalhes narrados para descrever a cena do crime chega a nos passar a impressão de real, devido a riqueza de detalhes usados, mas também choca, afina conseguimos imaginar tal brutalidade narrada.

Porém a narrativa acaba ficando um pouco confusa conforme as páginas vão passando e um pouco cansativa, além de muitas explicações desnecessárias em alguns pontos e falta de informação em outros. Ou seja, o enredo é ótimo, cativa de início, mas a narrativa desanimava.

Quanto a capa eu adorei, tanto o material usado como a arte, ficou bem atrativa e representa bem a história. O livro será adaptado para o cinema e será lançado em 2012, então aguardaremos para ver qual vai ser o resultado.

/
Related Posts with Thumbnails
 

Design by / Thema base