Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, agosto 31, 2011


Promoção Não Sou Este tipo de Garota

Comments
Bom Dia Gente!!!

Hoje tem mais promoção aqui no Batalha \o/
O blog em parceria com a Editora Novo Conceito sorteia para vocês, leitores queridos, um kit do livro Não Sou Este Tipo de Garota... E aí quem quer??


E as regras são simples e vocês já estão acostumados :)

- Seguir o blog publicamente;

- Deixar um comentário neste post com seu nome de seguidor para validar sua participação;

- Comentar na resenha aqui;

- Preencher corretamente este formulário;

- Ter endereço de entrega no Brasil.


Para Chances extras:

- Seguir o twitter @Batalha_Lit (preencha mais uma vez)

- Seguir o twitter @Novo_Conceito (preencha mais uma vez)

- Divulgar a seguinte frase no twitter "O @Batalha_Lit está sorteando um kit do livro @Naosouestetipo e quem vai ganhar sou eu http://migre.me/5AVY3" 
Importante: Você deve twittar no máximo 4 vezes por dia para não ocorrer spam. Para colocar o link direto do tweet no espaço "divulgação" do formulário, basta clicar na data que você twittou e copiar o link. 
A cada nova divulgação, é necessário preencher o formulário novamente.

- Comentar em qualquer post após a Promoção (preencha mais uma vez o formulário, colocando o link da postagem)


Promoção válida até as 23:59 do dia 01/10/2011
O  sorteio será feito pelo random.org.


Boa Sorte

terça-feira, agosto 30, 2011


E o que vem por aí...Novo Conceito

Comments
Hey galera!!!
Hoje é dia de saber as novidades da nossa parceira querida Editora Novo Conceito.... 'bora conferir??





A Jornada, de Erin E. Moulton

Sinopse: Grandes coisas estão prestes a acontecer na casa de Maple. A mãe terá um bebê, o que significa que agora será quatro irmãs Rittle ao invés de três. Mas quando Lily nasce antes da hora e não pode vir do hospital para a casa, Maple sabe que dela salvar sua irmã. Então ela e Dawn, munidos de um mapra e uns restos do jantar, atravessam rios e montanhas para encontrar a "Mulher Sábia", que pode fazer milagres. Agora não é apenas com a vida de Lily que eles têm que se preocupar, mas também suas próprias vidas. Os perigos que Maple e Dawn encontram em sua jornada fazem com que eles descubram algumas coisas sobre milagres - e sobre eles mesmos.







***


Uma Vida sem Limites - Nick Vijicic

Sinopse: "Por muito tempo me perguntei se haveria no mundo alguém como eu, e se haveria outro propósito para a minha vida além de dor e humilhação." Nascido sem os braços e sem pernas, Nick Vujicic superou sua deficiência para viver uma vida plena e cheia de realizações, tornando-se um exemplo para todas as pessoas que buscam a verdadeira felicidade. Hoje uma palestrante motivacional internacionalmente conhecido. Nick divulga sua mensagem central: o objetivo mais importante para qualquer pessoa é encontrar seu propósito na vida, a despeito de qualquer dificuldades que apareçam pelo caminho. Nick conta a história de sua deficiência física e da batalha emocional que travou para conviver com isso na infância, adolescência e vida adulta. Compartilha com o leitor a força de sua fé explica que, depois que encontrou senso de propósito - inspirar as pessoas a melhorar sua vida e o mundo -, achou confiança para construir uma vida produtiva e sem limites. Nick encoraja o leitor mostrando como aprendeu a aceitar o imponderável a se concentrar em suas habilidades possíveis

***

E aí gostaram??  Qual chamou mais atenção?

Beijos
Lis

segunda-feira, agosto 29, 2011


Brilhos - Sophia Bennett

Comments
Oi gente!!! tudo certinho com todo mundo?
Hoje tem resenha de Brilhos, um livro super fofo, e com a capa mais fofa ainda.
Confiram...

Autora: Sophia Bennett
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580570670
Páginas: 288
Ano: 2011


Sinopse: Crow está vivendo o sonho de todo estilista. Nonie fisgou a atenção de um garoto maravilhoso. Jenny ensaia agora sua nova peça. Edie, porém, está com problemas... Em meio à euforia com a chegada da primeira coleção  de Crow às lojas que vestem as garotas mais antenadas de Londres, surgem sérios rumores de que as tão cobiçadas roupas vem sendo produzidas à custa de trabalho escravo de crianças na Índia. Não pode ser, claro... Ou será que pode? Na dúvida, as amigas topam ir conferir. Lá, elas não só descobrem a explosão das cores e brilhos de uma cultura que ainda não conheciam, mas também deparam com uma grande questão: o que vale mais, seus sonhos ou seus ideais?

Brilhos é o segundo livro da série Linhas, e agora a vida de estilista de Crow não é apenas um sonho. Além de criar vestidos incríveis tem sua coleção na Miss Teen. Nonie continua tomando conta de sua carreira,  e está assumindo super bem este papel.
Edie continua querendo salvar o mundo, o seu blog está ganhando um grande destaque e há cada vez mais pessoas conhecendo seu trabalho, porém as coisas acabam tomando outro rumo quando seu blog é invadido por um grupo que alega serem falsas as postagens de Edie, acusam as garotas de estarem explorando o trabalho infantil na Índia, lugar onde as roupas da coleção de Crow são fabricadas.
E o que fazer para provar que o que Edie escreve é verdade? Simples é só ir para a Índia, ver com os próprios olhos o que acontece.
E em meio a tanta coisa, brilhos, pedras coloridas, tecidos, acabam descobrindo um Índia que não é apresentada aos turistas. Crianças realmente estão sendo obrigadas a trabalhar de uma maneira indigna até para um adulto, mas será que elas estão produzindo as coleções de Crow?

Jenny é a mais ausente no livro. Não participa tanto nas atividades em que as amigas fazem juntas. Está prestes a estrear uma peça de teatro e está super nervosa com isso e usa todo o seu tempo livre para ensaiar. Levando em consideração o quanto foi alvo de críticas negativas no passado por conta de sua participação em um filme, a cada dia que passa fica mais nervosa com a chegada da data da estréia.

A autora fez um trabalho incrível, o livro tem uma ótima narrativa, o leitor acaba não querendo largar o livro até a última página.
Mais uma vez ela faz uso de um tema que a maioria adora, no caso a moda, para chamar atenção para um problema da vida real, e mostra de uma maneira leve o quão glamouroso esse mundo é, porém mostra também como esse mundo pode ser cruel do lado que não é mostrado ao público.
A narrativa é feita pela Nonnie, e ela ótima com isso...

"-Estão prontas meninas? Ah, a Vogue francesa, Nonie. Muito bem. C'était bon?
Não respondo. A pronúncia da vovó é verdadeiramente horrenda e a única forma de desencorajá-la a falar francês é ignorando-a. Ela acha que estou sendo grosseira, mas é para seu próprio bem."

O livro é ótimo, nos faz refletir e ao mesmo tempo é leve. Embora ele seja recomendado a adolescentes, acho que a leitura cabe em qualquer idade, e quem leu Linhas e gostou, com certeza vai gostar ainda mais do segundo volume, e quem ainda não começou a ler a série, comece, pois vai se surpreender e ver que os livros não tem só uma capa linda.

Beijos
Lis

Vida - Keith Richards

Comments
Hey galera, tá todo mundo bem?
Hoje tem resenha de um livro que eu tenho um carinho todo especial. Quem me conhece sabe que sou uma grande fã dos Rolling Stones, e principalmente do Keith Richards, então não poderia deixar de ler esse livro em que o tiozinho do Rock'n Roll conta sua vida, em sua palavras "Esta é minha vida. Acredite se quiser, eu não me esqueci de nada." 

Autor: Keith Richards
Editora: Globo
ISBN: 9788525049315
Páginas: 672
Ano: 2010


Sinopse: Em "Vida", Keith Richards conta, de maneira crua e feroz, sua história, vivida de forma intensa no meio do fogo cruzado - desde a primeira infância num bairro pobre ouvindo obsessivamente os discos de Chuck Berry e Muddy Wartes, até o modo como levou a guitarra ao limite absoluto e uniu forçar a Mick Jagger para formar os Rolling Stones. Com honestidade rasgada, Keith revela altos e baixos do rock'n'roll, a subida meteórica para a fama, as notórias prisões, as mulheres que teve, o vício em álcool e heroína. A lenda viva reconta como criou os solos envenenados que definiram "Gimme Shelter" e "Honky Tonk Woman", seu romance com a infame Anita Pallenberg (mãe de três de seus filhos) e a morte trágica de Brian Jones. Da paixão por Patti Hansen a seu relacionamento com Mick Jagger, o leitor segue Keith em uma viagem inacreditável, porque é a jornada de um artista que vive sem temores e sem limites. Homem original, Keith sempre disse o que lhe vinha à cabeça e seguiu suas próprias regras. Um fora da lei, um inigualável baderneiro do rock’n’roll e um dos maiores deuses da guitarra de todos os tempos, Keith forjou uma vida que muitos poderiam invejar. "Vida" foi escrito em parceria com James Fox.

Biografias não é o gênero literário preferido de muita gente, mas essa é uma que a leitura vale muito a pena. E digo isso não pelo fato de ser fã, mas sim pela narrativa ser totalmente envolvente. São 672 páginas que parece uma conversa informal, conseguimos imaginar uma conversa com o Keith e não uma leitura, se tem aquela impressão de ouvir as palavras, ele foi extremamente fiel a sua maneira de falar quando transcreveu sua história.

Keith nos apresenta toda a sua vida, desde sua infância, época em que era um dos menores garotos da turma, sempre tentando fugir de uma possível surra, o que nem sempre era uma coisa bem sucedida, era chamado de macaco pelo tamanho de suas orelhas e também quando foi expulso do coral por sua voz estar "um pouco" fora do padrão.
E já nos primeiros capítulos acompanhamos sua mudança de coroinha e garoto que sofria bullying na escola, para um jovem que começava a descobrir Elvis Preslei, mudando para um rebelde que acaba sendo expulso da escola, e por conta disso acaba indo parar na escola de artes onde começa a estudar violão.
Confesso que a parte em que ele conta sua infância é um pouco cansativa, mas ali já conseguimos identificar o nascimento de sua paixão pela música e conseguimos entender o porque dele ter chegado onde está não é porque busca o sucesso, mas sim pelo amor a música.

Keith descreve o início de sua amizade com Mick Jagger, e é incrível ver o crescimento dos Stones, e fiquei pensando em porque eu não nasci no surgimento desse fenômeno todo. Ele narra as brigas do grupo, o modo em que as composições eram feitas, como os discos eram produzidos, enfim uma verdadeira aula da história da música.
Keith não nos poupa dos detalhes sobre drogas e mulheres que passaram pelas turnês que fizeram, e conta os detalhes do relacionamento conflituoso com Anita Pallenberg, as crises de abstinência que quase endoidou os dois. Analisando toda a história de Keith você pensa, "nossa como um cara que se drogou tanto, levou ao pé da letra o Sexo, Drogas e Rock'n'Roll ainda está aí firme e forte", pois é, eu até agora não entendi, segundo Keith é por sempre estar usando drogas da mais alta qualidade, mas mesmo assim é meio incompreensível.

O Keith em minha opinião é um dos melhores guitarristas que existe, e no livro ele descreve como faz seus solos, e conta como aprendeu fazer com que eles se tornassem extraordinários e inesquecíveis (gente não é exagero, basta ouvir Gimme Shelter e prestar atenção na guitarra) e ele explica de uma maneira tão clara, que demonstra tanta facilidade que você fica pensando que pode até ser fácil, mas na prática certeza que não deve ser tão simples assim.

Keith é um figurão, sem se importar em ser discreto conta tudo que passou, sendo até ofensivo em algumas partes com o Mick, conta algumas coisas que tenho certeza que era para ser segredo entre eles, mas também deixa claro o quanto gosta do amigo.
Recomendo o livro para todos, não são para os fãs da banda, mas também para quem quer conhecer mais de uma boa parte da história da música, e se surpreendam com incrível história de Keith...

E me despedindo de um jeito bem Keith... Um SORRISÃO PROCÊ!!!!

Lis

sexta-feira, agosto 26, 2011


Batalha Musical

Comments
Olá, pessoas?! Como estamos?! Espero que todos bem ^^
Quem está sempre por aqui já sabe que sexta-feira é dia de música aqui, no Batalha Literária.
Hoje, as escolhas são minhas, então, se gostarem ou não, podem me culpar ;)

As músicas que disputarão a preferência de vocês foram escolhidas em cima de um tema específico... "Os caras" ;D
Não sou do tipo super feminista, mas, fala sério, quem não gosta de ridicularizar os homens de vez em quando?! (#Sorry se algum carinha estiver lendo isso!) Qual mulher ainda não teve vontade de dizer pro cara que faz igual ou melhor que ele?! Qual de nós nunca quis ser descontar e ser tão sacana quanto eles (é, nem todas, mas sei que algumas sabem bem do que falo)?!

As duas cantoras que trago pra vocês têm mais em comum do que apenas as letras de suas músicas, elas trazem em comum seus gêneros musicais - R&B, hip-hop, pop, dance.

Sei que tinha gente sentindo falta de música mais animada por aqui e , como seus desejos, pra mim, são ordens, aí estão!

Atenção:Xus, quero logo me desculpar por causa da letra e do vídeo de uma das músicas (vocês entenderão quando o virem). Espero que ninguém se sinta ofendido(a) ou algo parecido! ;D


Então, vamos a Batalha Musical de hoje...

Ciara x Jessie J. - Like a boy x Do it like a dude





Espero que tenham gostado! Não deixem de dizer suas escolhas nos comentários!
Suuuper beijos! ;*
Paulinha


quinta-feira, agosto 25, 2011


Entrevista com Carolina Estrella

Comments
Hey galera!!! Tudo certinho??
Hoje tem entrevista com a Carolina Estrella, ela é autora do livro Garota Apaixonada em Apuros, que vocês podem conhecer mais aqui, é da equipe do blog Romances & Leituras junto com a Babi Gabi, e também faz parte do time de autores do Selo Brasileiro.


Oi Carol! Para começarmos se apresente!!!
Olá Lis!
Quero agradecer o convite para entrar em seu cantinho e contar um pouco sobre munha vida e sobre as histórias de Gabi. Aos leitores, desejo uma boa leitura!

Você sempre leu muito?
Bom, vou ser sincera eu sempre li o suficiente. Não lia muito, porque achava livros com muitas páginas chatos e entediantes e eu preferia ver um bom programa de tv a ter que ficar quietinha lendo, mais isso mudou quando descobri Harry Potter e o Diário da Princesa.

Quando surgiu a vontade de ser escritora?
Eu já escrevia em diários desde meus 11 anos e pensava em escrever algo mais para frente baseado nas minhas confissões de adolescente. Há dois anos decidi escrever um livro, mas não tinha assunto e foi revendo o passado que encontrei uma boa história.

Você criou o projeto " Escrever é Legal" em que frequenta escolas com oficinas de escrita e leitura. O que a levou a desenvolver esse projeto?
Eu sempre fui engajada com projetos sociais, antes do livro já visitava orfanatos (inclusive sempre tive o sonho de montar um), participava de mutirão para limpar prais e rios. Então sento necessidade de ajudar um pouco na educação do país e pensei que se eu incentivasse os jovens a ler mais e criar suas próprias histórias talvez pudesse diminuir a tensão dessa idade e criar novos escritores. Criei o projeto, coloquei no papel e sai batendo de porta em porta pedindo espaço para desenvolvê-lo. Muitas escolas me aceitaram de braços abertos e já fiz oficina para mais de 500 alunos. O mais importante é o pós-oficina quando recebo textos, contos e histórias de alunos que de tão motivados querem escrever sem parar ou então ler sem parar. Isso é fantástico!

Como foi o processo de criação de Garota Apaixonada em Apuros? Enfrentou alguma dificuldade em criar os personagens?
Garota Apaixonada em Apuros é baseado em minha própria adolescência, mas quando estava escrevendo a história criou vida e tomou conta dos papéis mudando muita coisa do que realmente aconteceu comigo. Os personagens surgiram e não me deram trabalho, só a Gabi (personagem principal) que precisei de mais um tempo para elaborar, porque se tratava das minha emoções, por isso tive que cavar situações que já havia esquecido.

O que os leitores devem esperar de Garota Apaixonada em Apuros?
O livro foi escrito para divertir o leitor e mostrar um pouco das dúvidas e questionamentos dos adolescentes. Quem quiser dar boas risadas, curtir um texto leve e de narrativa íntima não pode deixar de ler. Só quero ressaltar, que o livro é para adolescentes que estão começando a criar o hábito de ler É uma história muito legal, mas sem muita trama psicológica. Todos podem ler, mas devem ter consciência de que é um livro tranquilo e não um Morro dos Ventos Uivantes da vida!

A narrativa do livro é feita pela Gabi, uma garota de 15 anos. Ela tem um pouco da Carol nessa idade?
Bom, como já havia dito o livro foi baseado no meu primeiro amor. Então a Gabi é a Carol de corpo e alma. Só que eu era mil vezes mais orgulhosa e derretida que a Gabi rs.

Tem outros projetos envolvendo algum outro livro? Se sim pode nos contar um pouco?
Tenho muitos outros projetos. Estou escrevendo um chick lit hilário com a também escritora Liana Cupini, terminei de escrever Garota Apaixonada de Férias que é a continuação das aventuras de Gabi e já escrevi outra série muito divertida, totalmente voltada para internet chamada Garotapop.com.

Carol, finalizando, gostaria de agradecer pela entrevista e fica aberto o espaço para deixar um recado para os leitores.
Vou terminar com uma frase do meu livro: Espero que dure tempo bastante para se tornar inesquecível.
Eu espero que essa onda de leitores e escritores dure tempo suficiente para fazer com que todos os brasileiros tenham vontade de ler sem parar.
Obrigada a todos os leitores e desejo que continuem postando resenha, divulgando livros e fazendo parte dessa grande família literária.

quarta-feira, agosto 24, 2011


E o que vem por aí... Editora Intrínseca

Comments
Bom Dia seus lindos!!!
Editora Intrínseca está cheia de novidades e só coisa boa vem por aí, confiram...



Tony e Susan de Austin Wrigth foi lançado no dia 10 deste mês, me pareceu bem interessante, confiram a sinopse...

Há vinte e cinco anos, Susan Marrow deixou Edward Sheffield, seu primeiro marido. Certo dia, em sua nova casa, no subúrbio, onde mora com o segundo marido e três filhos, ela recebe, pelo correio, um embrulho que contém o manuscrito do primeiro romance de Edward. Ele lhe pede que leia seu livro: Susan sempre foi sua melhor crítica, justifica.
Ao iniciar a leitura, Susan é arrastada para dentro da vida do personagem Tony Hastings, um professor de matemática que leva a família de carro para de veraneio no Maine. Quando a vida comum e civilizada dos Hastings é desviada de seu curso de forma violenta e desastrosa, Susan se vê ás voltas com seu passado, obrigada a encerrar a própria escuridão e a dar um nome para o medo que corrói seu futuro e que vai mudar sua vida.
Publicada pela primeira vez em 1993, esta obra de Austin Wright teve nova edição, dezessete anos depois de seu lançamento, por se tratar, segundo seus editores americanos, da "mais impressionante obra de arte da ficção americana desde Revolutionary Road, de Richard Yeats", publicado no Brasil como Foi apenas um Sonho.

***

Infinito - Alyson Noël, é o último livro da série, e eu ao contrário de muitos, adoro a saga, então esperei muito por esse lançamento, confiram a sinopse:

Em Infinito, o sexto e último livro da série, após derrotarem seus inimigos mais temidos, Ever e Damen começam uma nova jornada para que ele se livre do veneno que está em seu corpo. Se encontrarem o antídoto, finalmente serão capazes de viver a paixão pela qual anseiam há séculos.
A busca, porém, leva-os a um terreno desconhecido e pavoroso - as profundezas de Summerland. Lá, eles descobrirão a origem obscura e inimaginável de seu relacionamento e serão obrigados a encarar uma doloros verdade: o destino tem motivos para mantê-los separados. Agora, o futuro irá depender de uma única decisão, que poderá pôr em risco tudo o que eles têm. Inclusive a eternidade.




E aí gostaram das novidades? Tem mais alguém aí que é fã da Saga Os Imortais?

Beijos
Lis


domingo, agosto 21, 2011


Não sou este tipo de Garota - Siobhan Vivian

Comments
Oi pessoas!!!
Como foi a semana de vocês? É impressão só minha ou essa semana voou?? Parece que ainda ontem era segunda-feira e olha aí  o fim de semana já né. Bom, chega de lenga lenga né


Autora: Siobhan Vivian
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788563219381
Páginas: 248
Ano: 2011


Sinopse: Perversa ou inofensiva? Confiável ou hipócrita? Controlada ou insensata? A vida é sobre suas decisões e escolhas, e Natalie Sterling se orgulha de sempre fazer as melhores. Ela ignora os caras populares e babacas da escolas, sempre ganha medalhas de honra e está prestes a ser a primeira estudante jovem a ser presidente do conselho estudantil em anos. Se apenas todas as outras garotas fossem tão sensíveis e fortes. Como o grupo de novatas que querem ser brinquedos dos jogadores de futebol. Ou sua melhor amiga, que tomou uma decisão idiota que quase arruinou sua vida. Mas ser sensível e forte não é fácil. Não quando uma brincadeira quase a faz ser expulsa. Não quando um cara que ela já deu um fora se torna o cara que ela não consegue parar de pensar. A linha entre o certo e o errado foi distorcida, e cruzá-la poderá resultar em um desastre... ou se tornar a melhor escolha que ela já imaginou fazer.


Natalie Sterling acaba de iniciar seu último ano escolar. Ela está disposta e encerrar o ano da melhor maneira possível, quer acumular ótimas notas, se eleger presidente do conselho estudantil e principalmente ter a melhor conduta possível.
Sua única amiga é Autumn, uma garota que em seu primeiro ano foi hostilizada por todos da escola. Uma escolha errada, com a pessoa errada fez com que ela fosse ignorada por todos, tendo apenas Natalie de seu lado.

Tudo parece estar indo conforme planejado por Natalie, porém as coisas começam a tomar outros rumos. A primeira mudança é a chegada de Spencer, uma garota com princípios totalmente diversos de Natalie. Spencer consegue causar grandes mudanças na escola em pouco tempo, o que por Natalie é visto como absurdo, para outros é visto como algo normal.

Tudo vai ficando mais confuso na cabeça de Natalie quando ela começa a se interessar por Connor.
Connor não é o tipo de garoto que ela pensaria em sair. É atleta do time de futebol da escola e sempre cercado com as piores companhias. 
Natalie até tenta evitar um envolvimento com Connor, mas sua atitude é mais por conta do que os outros vão pensar do que realmente ela quer fazer. Será que realmente vale a pena abrir mão do que se quer por se preocupar com que os outros vão pensar? É nesse dilema em que Natalie fica.

É primeiro livro com o selo Novo Conceito Jovem, e acho que a editora começou da melhor maneira possível.
O livro é ótimo, engraçado e bem dinâmico. A leitura fluí super rápido e é impossível largar o livro até chegar na última página.
A autora tratou de maneira leve, porém bem reflexiva o que a grande maioria trata como certo e errado, então quem ler o livro não vai encontrar só mais uma estoria no ambiente escolar, mas também verá como a situação é diferente, mesmo quando o assunto é o mesmo, quando se fala de meninos e meninas.

A narrativa é feita em primeira pessoa por Natalie e é bem interessante acompanhar seus devaneios e seu amadurecimento.
E tenho certeza que quem ler vai adorar conhecer esse universo da Natalie.

Beijos
Lis

sábado, agosto 20, 2011


Caixa de Correio #6

Comments
Oi pessoas!!! Tá todo mundo bem??
Eu sei que eu demoro muito para fazer o post de correio, mas é que o carteiro nem me visita tanto assim, porém quando visita só vem com coisa linda :)
Confiram o que chegou nos últimos dias...





Dupla Falta - Lionel Shriver.
Esse foi o primeiro livro que recebi em parceria com a Editora Intrínseca. Gostei muito do livro, e já tem resenha, para quem ainda não conferiu é só clicar aqui.









Paixão e Liberdade - Flavia Cristina
A Flavia é uma simpatia, me mandou seu livro e vários marcadores. Como disse na resenha iria sortear para quem comentasse. Bom o sorteio já foi feito e os comentários sorteados foram os da @Camilla_Leitte, @mi_simoes e @DaninhaG3. Para quem ainda não leu a resenha, confere lá porque o livro é ótimo.










Uma Aventura no Atlântico - Márcia de Oliveira
Recebi esse livro da autora. Ela é uma fofa, super simpática e o livro é surpreendente, confiram a resenha aqui.










E chegou dois kits lindos do livro não sou este tipo de garota da Editora Novo Conceito. O kit é uma graça, e editora como sempre caprichou muito!
Em breve tem sorteio :)









E chegou uma cartinha linda da Babi Ever. Ela mandou alguns marcadores e uma carta tão fofa!!! Obrigada Babi, eu amei :)
Ah propósito, vocês já conhecem o Tinta Pink?? 












Eu Sei o que Você está Pensando - John Verdon
Recebi da Editora Arqueiro esse livro e estou curiosíssima, parece bem interessante, em breve resenha aqui :)











Brilhos - Sophia Bennet
E por fim, chegou Brilhos também da Editora Intrínseca. Assim que terminei de ler Linhas eu fiquei contando os dias para a continuação, então vejo a hora de começar a leitura.








Bom, o que chegou por esses dias foi isso!!!
Já viram que está rolando uma Promoção do livro Identidade Roubada aqui no blog?? Confira as regras e participe!!

Beijos
Lis

sexta-feira, agosto 19, 2011


Promoção Identidade Roubada

Comments
Hey gente bonita!!!!

O Blog Batalha Literária em parceria com a Editora Arqueiro vai sortear para vocês um livro Identidade Roubada \o/



E para ganhar é só seguir as regras e torcer os dedos  :)

- Seguir publicamente o blog Batalha Literária

- Deixar um comentário neste post com seu nome de seguidor (a) para validar a sua participação.

- Comentar na resenha aqui.

- Preencher corretamente este formulário.

- Ter endereço de entrega no Brasil.

E pronto já está concorrendo!!!
Agora você quer ter chances extras? é simples também!!!

- Seguir o twitter @Batalha_Lit (preencha mais uma vez o formulário)

- Seguir o twitter da @editoraarqueiro (preencha mais uma vez o formulário)

- Divulgar a seguinte frase no twitter: "Quero ganhar o livro Identidade Roubada que @Batalha_Lit e a @editoraarqueiro estão sorteando http://migre.me/5wmkB" 
Importante: Você deve twittar no máximo 04 vezes a cada 24 horas (isto

é, no máximo 04 vezes por dia, para não ocorrer spam). Para colocar o 
link direto do tweet no espaço “divulgação” do formulário, basta clicar onde aparece a data que você twitou e copiar o link). A cada nova divulgação, é necessário preencher o formulário novamente. Não esqueça!

- Comentar em qualquer post após a Promoção (preencha mais uma vez o formulário colocando o link da postagem)

Promoção válida até as 23:59 do dia 20/09/2011.
O sorteio será feito pelo random.org.
O(a) ganhador(a) terá três dias para enviar os seus dados, caso isso não ocorra, será feito outro sorteio.


Boa Sorte!!!





Batalha Musical - Entre Blogueiras

Comments
Olá queridos! Tudo certinho?! Espero que sim ^^
Agora, vocês já sabem né?! Toda sexta é dia de escutar música aqui, no Batalha Literária.

Gostaria de começar agradecendo a participação de vocês na coluna! ;D Vocês são uns amores!

Galerinha, como eu já havia dito, eu gostaria de poder contar sempre com a participação de vocês por aqui, então, nada mais participativo do que VOCÊS "fazerem" a coluna.
Hoje, as músicas foram escolhidas por duas suuuuper queridas que toparam participar da Batalha Musical apresentando pra vocês suas músicas preferidas!

Antes de apresentar as músicas, apresentarei as duas blogueiras lindas que irão 'disputar' a preferência musical de vocês...
A primeira é a Regiane (que carinhosamente chamamos de Rê) do blog Ler & Almejar . E quem vai batalhar com ela é a minha querida (irmã) Babi Ever do blog Tinta Pink .

As duas escolheram bandas não muito divulgadas, então, escutem bem e escolham!

AUMENTEM O VOLUMEEE!!!


Rê x Babi - Anathema x S.O.Stereo - Dreaming Light x What you wanted me to do




Quero agradecer a participação das meninas, que sempre foram umas fofas e aceitaram logo participar da coluna! Rê e Babi, eu adoro vocês!
Para conhecer o blog delas vocês devem clicar em cima dos nomes deles, em negrito.


E aí, quem vocês escolhem?!
Beijos ;*
Até a próxima!
Paulinha


quarta-feira, agosto 17, 2011


E o que vem por aí... Grupo Pensamento

Comments
Hey galerinha, tudo bem??
O Grupo Editorial Pensamento está com novidades.
Foi criado um novo selo para o grupo, o selo, denominado Jangada, será voltado para a ficção fantástica e Histórica.
Confira os detalhes...




Grupo Editorial Pensamento lança novo selo
dedicado à ficção

Após 104 anos lançando livros para um mundo em transformação, novo selo chega para ampliar os horizontes da leitura

Com o objetivo de alcançar novos espaços e ampliar o público leitor, o Grupo Pensamento lança o novo selo: Jangada. Segundo o diretor-presidente, Ricardo Riedel, reunindo títulos nas áreas de ficção fantástica e histórica, a criação da nova linha editorial amplia os temas oferecidos aos leitores. “Apesar de já termos publicado em nossos selos atuais algumas obras de ficção, decidimos criar uma linha editorial específica para a área, reforçando ainda mais a presença do grupo no mercado”, afirma Ricardo Riedel.
O nome Jangada veio através de algo em comum entre os integrantes da família Riedel: a paixão por barcos. O Logotipo foi inspirado em uma das obras de arte do famoso pintor Carybé, que teve inclusive alguns de seus álbuns publicados pelo grupo editorial. Além disso, o artista plástico foi amigo pessoal do Sr. Diaulas Riedel, pai de Ricardo e diretor-presidente do grupo até 1997.
Com diversos títulos já adquiridos, a primeira aposta da Editora Jangada será Nascida à Meia- Noite, o primeiro livro da nova série de ficção fantástica: a Saga Acampamento Shadow Falls, já um sucesso nos Estados Unidos. A obra marca a entrada oficial da editora no Brasil, em setembro. A novidade também será apresentada na XV Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro, que acontece entre os dias 1 e 11 de setembro.   
A obra retrata a história de uma garota enviada a um acampamento para adolescentes com poderes sobrenaturais. Um novo e excitante mundo paranormal, a imagem de uma heroína e um triângulo amoroso são os elementos que marcam essa série de alto nível. 
Born at Midnight, título original do primeiro livro da saga, foi lançado em maio, nos Estados Unidos, com tiragem inicial de 50 mil exemplares, e em apenas três meses vendeu 45 mil cópias. Amplamente aceita pela crítica e pelo público, a obra já foi vendida para seis países e é uma das maiores apostas da St. Martin Press. O lançamento do segundo livro no Brasil, Awake at Dawn, está previsto para maio de 2012.
Os livros que o Grupo Editorial Pensamento irá lançar nos próximos meses são: Como (quase) Namorei Robert Pattinson, A Sociedade Secreta da Bola de Cristal Cor-de-Rosa, O Ouro de Mefisto, Awake At Dawn e Tempest (os últimos dois ainda em processo de tradução). A Editora Jangada prevê lançar por volta de vinte novos títulos por ano.
Há 104 anos no mercado, o grupo editorial dá mais um passo com este novo selo. Tudo começou em 26 de junho de 1907, com a criação da Editora Pensamento, para publicar livros principalmente sobre temas ligados ao esoterismo, à espiritualidade e à autoajuda. Em 1956, foi fundada a Editora Cultrix, com livros sobre filosofia, literatura, sociologia, psicologia e linguística. Por último, em 2009, foi adquirida a Editora Seoman, que publica livros nas áreas de biografias, moda e cultura pop.
Agora, a Editora Jangada, voltada para o público em geral, mas principalmente jovem-adulto, oferece um amplo leque de títulos de qualidade. De acordo com Ricardo Riedel, a editora chega para reforçar ainda mais a presença do Grupo Editorial Pensamento no mercado editorial brasileiro. “O nosso objetivo é ampliar os horizontes da leitura”, finaliza Ricardo Riedel, com a frase que impulsionou a criação do novo selo.

Vem muita coisa boa por aí, confiram algumas sinopses:

A Sociedade Secreta da Bola de Cristal Cor-de-Rosa
Na companhia das duas melhores amigas, Erin vive feliz. Quer dizer, não completamente, porque acha sua vida totalmente sem graça. Para que fique mais interessante, ela faria qualquer coisa para ganhar um concurso cujo prêmio é uma viagem à Itália. Mas para isso precisa escrever uma dissertação explicando por que ela deveria ser escolhida... Mas escrever o quê? Se nada nunca acontece em sua vida...
 Bem, quase nada. Quando sua tia favorita morre, Erin recebe de herança uma misteriosa bola de cristal cor-de-rosa. Quando viva, tia Kiki (também conhecida como titia Eskikisita) sempre viveu fora dos padrões convencionais.
Mas agora Erin e suas duas melhores amigas estão convencidas de que a bola de cristal cor-de-rosa é a chave do futuro das três – ou pelo menos a chave para arranjarem um namorado e viverem incríveis aventuras.
 E o que garotas adolescentes poderiam desejar? Peitos maiores? Um encontro romântico? Livrar-se das colegas de escola que as atormentam? No início elas encaram tudo como uma grande brincadeira e não levam a sério os pedidos mirabolantes que fazem à bola... Até que as coisas que queriam começam realmente a acontecer. Será magia ou apenas coincidência?
Em meio a tudo isso, elas começam a sofrer bullying, ameaças e as coisas começam a ficar sérias e fora de controle.
A magia também tem sua lógica e suas explicações, e talvez essa seja a principal questão. Coisas divertidas podem acontecer quando você se envolve com magia, principalmente quando elas não saem da forma como você esperava...

Awake at Dawn (Saga Acampamento Shadow Falls)
Agora que Kylie se estabeleceu no Acampamento Shadow Falls, está determinada a descobrir a extensão dos seus dons sobrenaturais. Um fantasma que não para de perturbá-la, insistindo em dizer que alguém que ela ama vai morrer; um vampiro desonesto metido num assassinato; seu sexto sentido dizendo que alguém a está espionando e a sua incessante busca por respostas a deixam o tempo todo em estado de alerta.
Para piorar a situação, justamente quando ela está prestes a entregar seu coração a Derek – um atraente fae que possui a habilidade de ler os sentimentos das pessoas e se comunicar com animais e espíritos da natureza –, Kylie reencontra Lucas, um lobisomem que ela conheceu ainda garotinha e que voltou a Shadow Falls, deixando-a ainda mais confusa com relação a si mesma e seus sentimentos.
O fim de semana com a mãe deveria ser um momento de descontração para Kylie mas acaba provocando uma ruptura. Alguém do lado escuro do mundo sobrenatural tem planos para Kylie e vai utilizar todos os recursos diponíveis para trazê-la de volta a Shadow Falls.
O final inesperado deixará o leitor eletrizado e na expectativa do último livro da saga Acampamento Shadow Falls. 



terça-feira, agosto 16, 2011


Dupla Falta - Lionel Shriver

Comments
Hey galerinha, tudo bem?
Hoje tem resenha do primeiro livro que recebi em parceria com a Editora Intrínseca \o/
O livro é da mesma autora de Precisamos falar sobre o Kevin e E o Mundo Pós-Aniversário. Eu não li nenhum dos dois livros, mas vi muitas pessoas falando bem dos dois livros, então fiquei curiosa para saber mais do trabalho da autora. O que achei? Leiam a resenha e descubram :)

Autora: Lionel Shriver
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580570557
Páginas: 368
Ano: 2011

Sinopse: Tênis sempre foi a maior paixão de Willy Novinsky que pegou em uma raquete, aos 5 anos de idade. "Ame a mim, ame meu jogo", dizia aos 23, quando galgava o ranking, colocada entre os tenistas profissionais medianos. Até que ela conhece Eric Oberdorf: matemático recém-formado pela Universidade de Princeton, capaz de chamar atenção não só pela beleza, mas pela habilidade em diversas atividades, como a atuação nas quadras e em torneios de menor destaque. Mesmo que à sombra da antiga relação de confiança e dependência entre esportista e seu treinador, Eric torna-se a nova paixão de Willy.
Os dois se casam. Assim como a esposa, Eric batalha para alcançar o glamour do circuito internacional. Logo, a vida em comum, repleta de cumplicidade e desejo, dá lugar a uma competição cada vez mais acirrada por uma colocação entre a elite do esporte com a classificação entre os chamados top 100. E o casamento tende a se provar uma jogada com efeitos imprevisíveis no desemprenho de Willy. À medida que o rendimento dela decai, as habilidades do marido o levam mais longe no ranking mundial.
Com diálogos incisivos e ágeis, Lionel Shriver faz uma investigação retórica dos medos, das esperanças e das traições de uma relação amorosa, e assim oferece uma exploração magistral e provocante do jogo romântico entre um casal.


Até que ponto a ideia fixa em alcançar uma meta pode interferir na vida de uma pessoa?
Willy sempre foi apaixonada pelo Tênis, desde de criança se dedicou ao esporte, e era visivelmente um talento. Sempre chamava a atenção de quem assistia ela jogar, e foi jogando que chamou a atenção de Max.
Max foi um grande tenista em sua juventude, e após se aposentar como jogador passou a treinar os novos tenistas. Ele ficou encantado com a habilidade de Willy, oferecendo-se assim para treiná-la.
Com Max, Willy acaba se desenvolvendo bem mais no esporte, em pouco tempo tem uma colocação mediana no ranking.
Willy se dedica somente ao Tênis, não tem amigos, não mantém muito contato com a família e a pessoa mais próxima a ela é seu treinador.

Tudo muda quando ela conhece Eric. Ele, também jogador profissional, porém em posição bem inferior no ranking se comparado a Willy. Eles acabam sem envolvendo, e em pouco tempo se casam. Porém, quando Willy acha que sua vida estará mais completa por ter alguém além de seu treinador ao seu lado, as coisas tomam outro rumo em sua carreira, fazendo assim com que sua vida fique desestabilizada, uma vez que sempre colocou o tênis acima de tudo.
Willy fica totalmente desnorteada quando percebe que o marido está prestes a alcançá-la no ranking. Começa a perceber que enquanto seus pontos aumentam lentamente, os de Eric avançam extremante rápidos.

A necessidade de Willy por uma posição e por números positivos é tanta que ela acaba ficando cada vez mais revoltada com o sucesso do marido, ficando cada vez mais distante dele.
Começa assim um grande desgaste no relacionamento dos dois. Ela não consegue aceitar suas derrotas, porém, aceita menos ainda as vitórias de Eric.
Willy vê que está acontecendo grandes mudanças em sua vida, e não é mudanças das melhores, tenta voltar ao que era antes, mas será que tudo o que passou, a sua decaída no tênis, a falta de companheirismo no casamento, ainda tem alguma solução?

O livro é bem emocionante. Conseguimos sentir a angústia de Willy mesmo sem a narração ser em primeira pessoa. A autora fez um ótimo trabalho quanto a expressar os sentimentos da personagem, você sente raiva com ela e principalmente compaixão, ao ver até que ponto Willy chega.
O único ponto negativo do livro é que em alguns capítulos há pouco diálogo, por conta disso a leitura, em determinados pontos, fica um pouco cansativa, lenta, mas quando surge os diálogos eles acontecem de maneira intensa, que compensa a falta deles em alguns pontos.
O livro é muito bom, e super recomendo a todos a leitura

Beijos
Lis


domingo, agosto 14, 2011


Uma Aventura no Atlântico - Márcia Oliveira

Comments
Oi pessoas!!!
Ta tudo bem com todo mundo? Bom, eu espero que sim :)
Hoje apresento para vocês a resenha de um livro surpreendente, Uma Aventura no Atlântico, da querida Márcia de Oliveira.
A Márcia já foi entrevistada aqui no blog, para conferir basta clicar aqui.
Bom, hora de conferir a resenha, espero que gostem.

Autora: Márcia Maria A. Oliveira
Editora: Baraúna
ISBN: 9788579232916
Páginas: 364
Ano: 2011

Sinopse: É possível alterar o genoma humano, criando um ser geneticamente modificado que possa respirar embaixo da água? Dennis Ventura é a prova viva que isso é possível. Ele está longe de ser um rapaz normal. O que o difere dos garotos da mesma idade além de sua estonteante beleza é sua inteligência acima da média e suas habilidades extraordinárias. O porquê dessas habilidades? Simples, ele é fruto de uma experiência genética feita pelo próprio pai biológico, que além de tudo é um cientista famoso reconhecido e premiado mundialmente. No decorrer da sua vida, nada comum, ele se envolve em pequenas e grandes aventuras, nas quais, tais habilidades vão ser necessárias e essenciais para salvar sua vida e de muitas outras pessoas, inclusive, da mulher que ama.


Dr. Rômulo Ventura é um importante cientista, sempre esteve a frente de várias pesquisas, porém teve sua carreira interrompida após um acidente de barco, acidente este em que perdeu seu único filho. Rômulo nunca superou essa perda, e após esse acidente ficou obcecado em uma pesquisa para criar um ser humano híbrido, um ser humano capaz de sobreviver tanto em terra firme, como embaixo d'água.
Foram dez anos de pesquisa e Rômulo finalmente consegue um real avanço, e com isso acaba implantando o embrião alterado em sua esposa.
E é aí que começa a vida de Dennis.

Dennis cresce como uma criança normal, porém sabe que tem que esconder seu segredo, passa as noites dormindo submerso em uma banheira, tem um tempo limite para ficar sem água, além de ter alguns dons bem estranhos, como provocar choques nas pessoas.
Dennis tenta levar a vida do modo mais normal possível, estuda, trabalha e aos finais de semana ajuda o pai nas pescarias. E é em uma dessas pescarias que ele acaba salvando a vida de Alícia e de sua família, salvando e ficando totalmente encantado por Alícia. Porém surge a dúvida: Alícia seria capaz de conviver com Dennis mesmo sabendo que ele é um mutante? É melhor esconder a verdade de Alícia, para tentar assim um relacionamento com a garota?


O livro tem uma narrativa bem dinâmica e super fácil, em nenhum momento achei a leitura lenta ou cansativa, ao contrário, me vi curiosa a cada página, querendo saber o que ia acontecer com Dennis, saber se Alícia iria saber ou não que ele era muito diferente, curiosa na reação dela... Enfim, é impossível não se envolver com a narrativa.
É um livro bem interessante, nunca tinha lido nada do gênero, a autora foi super criativa, e adorei a escrita dela. É o primeiro livro da Márcia e ela está de parabéns.
A única crítica negativa que tenho é que achei o envolvimento de Alícia e Dennis aconteceu muito rápido, eles sem se conhecerem direito se vêem totalmente apaixonados um pelo outro. Não estraga em nada a leitura, só achei muito rápido.

Espero que gostem da resenha e comentem bastante ^^

Beijos
Lis


sexta-feira, agosto 12, 2011


Nova Colunista - Batalha Musical

Comments



Olá, pessoas!
Me chamo Paula (fiquem a vontade com o Paulinha, se preferirem) e sou um novo membro na equipe do Batalha Literária. Algumas pessoas já me conhecem do twiiter (@LoucaporRomance), mas para aqueles que nunca falaram comigo, farei um breve comentário a meu respeito.
Sou uma super apaixonada por música, filmes, livros e blogs literários e até pouco tempo atrás era apenas leitora deles, porém, hoje, tenho coluna em 2 blogs, sendo um deles este aqui (Obrigada, Lis, pelo convite!).
Bem, indo ao que nos interessa...
Minha coluna aqui será postada as sextas e trará o nome Batalha Musical (isso mesmo, gente, aqui, falarei de música!). Trarei sempre 2 músicas/bandas, relacionadas por algum tema específico, e falarei um pouco das escolhas. Espero poder sempre contar com seus comentários, opiniões e sugestões! ^^

Aí vem a primeira Batalha Musical...
Pra quem não sabe, eu e Lis somos gêmeas quando o assunto é música (ela poderia até fazer essa coluna no meu lugar que ninguém notaria a diferença.) e estamos sempre falando sobre nossas bandas e canções preferidas.
Nada mais justo que meu primeiro post aqui seja EU x LIS, concordam?! Trago aqui duas suuuuuper bandas, há quem diga que são as 2 maiores de todos os tempos (ambas britânicas), e são, respecitvamente, minha banda preferida x banda preferida da Lis e também minha música preferida x música preferida da Lis...

AUMENTEM O VOLUME!!!



The Beatles x The Rolling Stones – Eleanor Rigby x Satisfaction





Espero que tenham gostado!
Suuuper beijos ;*
Paulinha
/
Related Posts with Thumbnails
 

Design by / Thema base