Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, julho 12, 2011


Lonely Hearts Club - Elizabeth Eulberg

Comments
Oi pessoas!!!
Hoje apresento uma resenha de um livro que já me encantou pela capa. Eu que sou super fã dos Beatles, não resisti a capa, e ainda bem que não resisti, pois não só a capa é linda, o livro por completo é!!!
Confiram mais dele ai em baixo...


Autora: Elizabeth Eulberg
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580570496
Páginas: 238
Ano: 2011


Sinopse: Penny Lane Bloom cansou de tentar, cansou de ser magoada e decidiu: homens são o inimigo. Exceto, claro, os únicos quatro caras que nunca decepcionam uma garota — John, Paul, George e Ringo. E foi justamente nos Beatles que ela encontrou uma resposta à altura de sua indignação: Penny é fundadora e única afiliada do Lonely Hearts Club — o lugar certo para uma mulher que não precisa de namorados idiotas para ser feliz. Lá, ela sempre estará em primeiro lugar, e eles não são nem um pouco bem-vindos. O clube, é claro, vira o centro das atenções na escola McKinley. Penny, ao que tudo indica, não é a única aluna farta de ver as amigas mudarem completamente (quase sempre, para pior) só para agradar aos namorados, e de constatar que eles, na verdade, não estão nem aí. Agora, todas querem fazer parte do Lonely Hearts Club, e Penny é idolatrada por dezenas de meninas que não querem enxergar um namorado nem a quilômetros de distância. Jamais. Seja quem for. Mas será, realmente, que nenhum carinha vale a pena?


Penny Lane sempre fantasiou sua vida ao lado de Nate, foi ele seu namoradinho de infância, o primeiro selinho, e o seu "beijo de verdade" também. Tudo parecia perfeito entre eles, até que Nate apronta feio com Penny. 
Levando em consideração não só o que Nate fez com ela, mas também o fiasco que tem sido sua vida amorosa resolve fundar um clube, mas não um clube qualquer, mas sim um em que a principal regra é não namorar ninguém. E assim nascia o Lonely Hearts Club. 
O que Penny não sabia é que tantas garotas na escola também se sentiam como ela em relação aos garotos, e com isso o seu pequeno clube passa a ter cada vez mais destaque, e ficando cada vez maior o número de integrantes.
O que a principio era um clube somente com o fim de se manter longe dos garotos acaba se tornando um grande grupo de amigas, que se ajudam, se apoiam e que principalmente não deixa nada nem ninguém interferir na amizade delas.

O livro não é totalmente Beatlemaniaco, como a capa e o título sugerem, mas tem influências sim, como algumas músicas que são citadas, os pais de Penny que são super fãs dos Beatles (por isso o nome dela e de suas duas irmãs), mas nada exageradamente Beatles como achei que fosse.
Com uma leitura dinâmica e diálogos muito bem elaborados e engraçados fica impossível não se encantar com o livro, é um chick lit que recomendo para todos. 
O livro é narrado pela Penny e ela é uma ótima protagonista, ela é simpática, forte e engraçada, e mesmo com suas decepções ela não vira uma adolescente ranzinza, mesmo não estando aberta a namoros com os garotos da escola, ela não destrata eles, confesso que achei ela até paciente de mais com alguns.

Leiam o livro, garanto que vão adorar!!!

Beijos
Lis

/
Related Posts with Thumbnails
 

Design by / Thema base